“Podem continuar com a greve”, recalcou o governador Confúcio Moura que foi recebido com protesto pelos policiais civis, nesta sexta-feira,14, no aeroporto Brigadeiro Camarão.

Logo após o governador desembarcar, os representantes dos grevistas, os policiais Carminatti e José do Nascimento falaram com Confúcio, e o questionaram sobre o porquê ele não negocia com a categoria.

O governador alegou que não tem dinheiro para atender às reivindicações dos grevistas, mas a representante disse para ele que não é dinheiro que eles querem, mas sim negociar com os agentes da polícia civil.

No findar do brevíssimo diálogo que o governador teve com a representante, ele disse que só negociará em novembro de 2013, talvez dezembro. “Então vamos continuar em greve”, asseverou a policial. O Governador respondeu: “Podem continuar”.

Após esta deixa ele rapidamente entrou no SW4 de cor preta, que o estava esperando, e saiu sem dar mais explicações, para os grevistas, ou mesmo conceder uma entrevista para a imprensa local, que estava presente em massa. “Obrigada pela sua omissão”, finalizou a grevista, diante do descaso do senhor Governador do Estado.

 Autor e fotos : Franciele do Vale

Fonte: folhadevilhena.com.br