Uma mineira de 32 anos em visita ao tio de São José do Rio Preto foi presa em flagrante na manhã deste sábado por passar trotes para o 190, telefone de emergência da Polícia Militar. Maria Nunes fez 1 516 ligações falsas em apenas uma semana. Apenas entre a meia-noite de sexta-feira e às 8h55 de sábado, quando foi localizada em pleno delito, são atribuídas a ela 427 telefonemas.

Orientado pelo Copom, uma patrulha da PM localizou a mulher numa rua da cidade justamente enquanto falava pelo celular. Alem do aparelho móvel, Maria também usava orelhões instalados nas proximidades da rodoviária da cidade do interior paulista.

De acordo com os operadores do Copom, a mulher ligava para xingar e comunicar falsos crimes. Ela mora em Monte Alegre, no interior de Minas Gerais, e desde de o dia primeiro de abril está na casa de um tio em Rio Preto. A acusada deverá responder por perturbação da tranquilidade pública. Ela tem problemas psiquiátricos, mas não toma os remédios receitados.

Fonte: Veja